Dia Limpo

24ºC

Patrocínio do Muriaé

Dia Limpo
Umidade: 86%
Quinta-Feira 22º / 32º Tempestades

Merenda como forma de educar o estudante a se alimentar de forma saudável


A merenda nas escolas municipais de Patrocínio do Muriaé alimenta e educa os estudantes a adquirirem hábitos saudáveis em suas refeições. Essa é a política de inclusão nutricional desenvolvida nas duas escolas municipais (Carmem Campos Cardilo e Mariana Anzolin) com o objetivo de ofertar uma grande variedade de alimentos diferentes, levando saúde e bem estar aos estudantes de 3 a 10 anos. 
O trabalho é coordenado pela nutricionista Erika Cristina de Andrade Oliveira, especialista em Saúde Pública, que possui 10 anos de experiência nesta área. Segundo ela, tudo começa pelo planejamento mensal de cardápios diários que abrangem pratos variados e atrativos, sempre compostos por verduras, legumes e frutas buscando familiarizar os jovens com alimentos naturais e geradores de vários benefícios à saúde.
Os cerca de 470 alunos da rede municipal de Patrocínio do Muriaé são acompanhados diariamente pela nutricionista que certifica-se da aceitação ou não de cada alimento, promovendo quando necessária a substituição de certo prato que não tenha agradado a maioria. Além disso, Érica Oliveira monitora os casos isolados de estudantes que não estejam se alimentando corretamente, procurando incentivá-los com diálogo e atenção e inserir verduras e legumes em suas refeições.
O Município oferece diariamente três merendas, começando pelo café da manhã às 7h., e as refeições no intervalo da manhã e da tarde. As frutas são inseridas diariamente à alimentação dos estudantes, seja de forma natural ou como suco. 
Diretores e funcionários também estão envolvido nesta política implantada pelo Município implementando várias ações que possam proporcionar melhores condições aos estudantes da rede municipal. Lizandra Miranda, uma das diretoras da Escola Municipal Carmem Campos Cardilo explica que o horário do intervalo para o recreio e a merenda é diferenciado por faixa etária para que crianças menores possam gozar deste momento com mais segurança, com colegas de sua idade, assim como os maiores. “Isso também nos dá condições de ficar atentos a todos, verificando como estão se comportando, como está a alimentação de cada um para podermos intervir quando necessário”, disse a educadora.
No que tange a faixa etária, a nutricionista explica que o cardápio também pode variar de acordo com a idade, já que se verifica necessidades distintas entre as crianças menores e as maiores, que já estão entrando na fase da adolescência. 
Outra questão inserida na política de inclusão nutricional é o cuidado com o desperdício, como explica a professora e membra da equipe gestora da Escola Municipal Mariana Anzolin, Lúcia Helena Clemente Avila: “Temos o cuidado em cortar as frutas para que os alunos possam comer a vontade, a quantidade que quiserem, sem deixar restos, o que aconteceria se déssemos uma fruta, como, por exemplo, uma banana ou uma maça, inteira para eles”. 
Para o prefeito Paulo Aziz os benefícios desta política de educação nutricional implantada nas escolas municipais de Patrocínio do Muriaé terão consequências positivas pra toda vida destes estudantes, já que chegarão à fase adulta, saudáveis e com excelentes hábitos alimentares.

Você não tem conta ainda? Registrar Agora!

Faça Login em sua conta